Grécia: roteiro de 10 dias em Atenas, Santorini e Mykonos

Lua de mel na Grécia pode até soar clichê, mas, como costumo dizer, todo clichê tem sua razão de ser, é ou não é? As Ilhas Gregas (com destaque para Santorini), inspiram romantismo e são mesmo o destino ideal para a ocasião. Por isso abracei sem vergonha alguma o “clichêzismo” e não pensei duas vezes antes de comprar as passagens.

Foram, ao todo, 10 dias passeando por Atenas, Santorini e Mykonos. Tempo suficiente para curtir bastante as atrações e fugir um pouco do frio irlandês (verão aqui é coisa rara!). Então aí vai um resumo do nosso roteiro para ajudar não só pombinhos recém-casados, mas também amigos ou famílias que pretendem embarcar para esse pedaço do paraíso (sem exageros!).

Atenas

DSC01994
DSC01961

Nossa estadia na capital da Grécia foi curta – apenas 1 dia – mas nem por isso menos especial. Atenas é uma metrópole interessante. Me pareceu um mix de São Paulo e Rio de Janeiro, mas com suas próprias especificidades, claro. Não é muito tão charmosa quanto as ilhas no entorno, mas tem, sim, seu charme. E só de presenciar a riqueza de sua história e cultura já vale a visita.

O principal tesouro dessa herança histórica é, sem dúvida, a Acrópole – que significa Cidade Alta – e é o local onde se encontra o Parthenon, o templo dedicado à deusa Atena. O plano era partir para lá logo cedo e ver o restante da cidade no tempo que sobrasse. A entrada normal custa 12 euros e estudantes pagam 6.

Descobrimos que uma manhã é suficiente para ver toda a Acrópole e então aproveitamos a tarde para andar pelas ruas de Plaka, o bairro mais agitado e turístico de Atenas. Quem tiver mais tempo pode ainda incluir no roteiro o Museu da Acrópole (que fica fora da Acrópole, mas bem perto) e o Templo de Zeus Olímpico.

Como chegar: Fomos de Dublin (Irlanda) para Atenas através da companhia irlandesa Aer Lingus. Há voos em datas em específicas, ou seja, não tão flexíveis. Além disso, os voos para lá acontecem apenas no período de maio à setembro. Partindo do Brasil há voos pela KLM, Alitalia, Air France, Delta e Lufthansa o ano todo.

Quantos dias ficar: Passamos apenas um dia na capital já que o foco era conhecer melhor as ilhas gregas. Um dia é suficiente para ver a Acrópole e ainda conhecer um pouco a cidade. Mas se quiser ver as demais atrações recomendo ficar pelo menos três dias.

Principais atrações: Acrópole (Parthenon), bairro de Plaka, Museu da Acrópole, Templo de Zeus Olímpico.

Onde ficar: Nos hospedamos na região central, bem próximo à estação da Acrópole.  Recomendo ficar no próprio bairro de Plaka ou nas redondezas, pois é lá mesmo onde estão as principais atrações da cidade e é possível fazer tudo a pé.

Hotel: Athens Status Suites – http://www.athenstatus.com/

Apesar da decoração meio extravagante à la “hotel da Barbie” (você entenderá se entrar na página do hotel), o estabelecimento oferece bom preço e boa localização. Como se tratava apenas de uma noite, não demos muita atenção à decoração e sim ao conforto, já que precisávamos apenas de uma cama pra dormir. O hotel tinha sido inaugurado recentemente e o custo-benefício valeu a pena.

Santorini

DSC02045
IMG_6741

Santorini é o “place to be” para qualquer casal que busca romantismo e paisagens exuberantes. Andar pelas ruelas cheias de casinhas brancas e acordar com a vista exuberante do mar mediterrâneo parece um sonho. Mas para acordar com esse luxo todo é preciso estar no topo da falésia chamada Caldera, ou seja, é preciso estar na vila de Oía (pronuncia-se Ía), a mais famosa da cidade e também a mais cara bonita. Mas se o intuito da viagem é lua de mel, não pense duas vezes, Oía é o lugar.

Se o intuito é uma viagem familiar ou entre amigos, há soluções mais econômicas e também bacanas como a vila de Thira (ou Fira), que é a capital da ilha e há também Kamari, para quem quer ficar mais próximo da praia.

Mas logo adianto: não espere encontrar praias paradisíacas em Santorini. A maioria é formada por uma areia escura e grossa ou por pedrinhas. O mar também não é aquele mar cristalino que muitos imaginam. O charme de Santorini está mesmo no visual da cidade, nas ruas e construções. Mas dá, sim, para e nada e aproveitar bastante! E nem por isso, em hipótese alguma, deixe de conhecer Santorini, porque o conjunto todo da obra é deslumbrante e inesquecível.

Como chegar: Via Aegean Airlines, uma companhia aérea grega que oferece voos de Atenas e entre a maioria das ilhas. Há passagens em torno de 80 euros. Uma outra opção é ir de barco, mas a distância entre Atenas e Santorini não é lá tão curta e leva em torno de 5 horas. De avião a viagem dura cera de 1 hora.

Quantos dias ficar: Três dias e meio foi o tempo que ficamos e foram suficientes para conhecer tudo o que queríamos com calma. Mas gostaria de ter ficado mais para curtir mais o mar e a piscina, por exemplo. Cinco dias é o ideal para conseguir ver tudo sem correria.

Principais atrações: Ruas de Oía, Por do sol em Oía, Thira, Praia Branca, Praia Vermelha, Praia de Kamari, Passeio de barco (passeio pelo vulcão e pela hot springs). Para os amantes dos vinhos, há ainda pesseios pelas vinícolas de Santorini.

Onde ficar: Nos hospedamos na vila de Oía, na Caldera, a mais famosa e bonita de Santorini. É lá onde todos os turistas da ilha se juntam para vez o famosíssimo por do sol.

Hotel: Nostos Apartments – http://nostosapts.gr/

Mykonos

IMG_7006
DSC02459

Mykonos é conhecida por seu agito e por atrair principalmente o público gay. Mas também há muito espaço para famílias e casais que querem relaxar. As praias de Mykonos são mais bonitas do que as de Santorini e por isso vale a esticadinha até lá. Minhas preferidas foram Super Paradise e Psarou, onde as águas são cristalinas e o mar é calminho. Ambas são bem famosas e, portanto, costumam ficar cheias, mas como fomos em maio o movimento ainda estava bem tranquilo e aproveitamos bastante.

Nos meses de junho, julho e agosto é que a badalação começa de verdade. Se você não está querendo muita festa não aconselho ir nessa época. Em todo caso, assim como Santorini, a beleza de Mykonos me surpreendeu. E a capital da ilha, Chora, também formada pelas casinhas brancas que parecem de glacê, é puro charme!

Como chegar: Fomos de barco pela companhia Hellenic Seaways. O percurso de Santorini a Mykonos leva aproximadamente 3 horas. O barco todo é extremamente confortável, mas pagamos pelo setor VIP que é um pouco mais agradável e menos cheio, já que o preço não era tão diferente do setor comum. A passagem saiu 65 euros para cada.

Quantos dias ficar: Três dias e meio. Também foi suficiente para ver tudo que tínhamos planejado. Mas, assim como Santorini, vale a pena ficar mais dias para conhecer a ilha com mais calma.

Principais atrações: Alugamos carro e quadriciclo todos os dias. É a melhor forma de conhecer as ilhas. Então rodamos de praia em praia para conhecer um pouco de cada uma. Entre elas: Paraga, Psarou, Paradise, Super Paradise, Kalafatis, Ornos e Kapari. Passeamos por Little Venice, vimos os Moinhos de Vento, passeamos por Chora, a capital da ilha e pelas ruas da antiga vila Ano Mera.

Onde ficar: Nos hospedamos na praia de Kalafatis, um pouco mais afastada do centro, já que a intenção era ficar um pouco longe do agito. A região é bacana para quem vai com a mesma intenção. E tinha um car rental bem ao lado do hotel, onde pegamos e devolvemos o carro facilmente.

Hotel: Anemoessa Boutique Hotel – http://www.anemoessa.com/

Publicado por Bruna Aranguiz

Paulistana, jornalista e viajante. Vivendo na Irlanda.

3 comentários em “Grécia: roteiro de 10 dias em Atenas, Santorini e Mykonos

  1. Olá!

    Gostei muito do perfil da sua página, especialmente porque lembrei dos meus mochilões na Europa e pretendo viajar para Grécia no próximo. Sou Jornalista tb, já tenho um blog há vários anos e no dia 1 de setembro, vou começar com um canal no youtube porque estou viajando para estudar mestrado em outro país. Toda essas aventuras e dicas serão parte do conteúdo tanto do blog, quanto do vlog.

    Gostaria de fazer parceria e apoiar? Trocar follow?

    Obrigadão.

    https://espelhoinversoblog.wordpress.com/

    Curtir

    1. OIá!

      Muito obrigada pelo comentário, fico feliz que tenha gostado do blog! Já adicionei o seu aos blogs que sigo e ele já está aparecendo aqui na página. Fique a vontade para seguir o meu. =)
      Sucesso no seu mestrado e no seu novo canal no Youtube!

      Abraços!

      Curtido por 1 pessoa

  2. Olá! Gostei do roteiro. Pretendo ir em lua de mel tb. Você poderia dizer quanto gastou em média em toda a sua viagem? Com passagens aéreas, barco, restaurantes e hospedagem?

    Obrigada!!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s